Xamãs

 

Para os índios da América do Norte, cada coisa está intimamente ligada a todas as outras. Até mesmo nós, os seres humanos, temos irmãos nos reinos vegetal, animal e mineral. E eles nos ajudam no processo de evolução.

Com base nessa idéia, antigos Xamãs criaram um horóscopo em que as características de cada signo estão relacionadas aos fenômenos da natureza. De acordo com a data de nascimento, cada pessoa está associada a uma pedra, um animal, uma planta e um ciclo lunar, cujo nome é inspirado num fenômeno natural que ocorre naquele período no hemisfério Norte.

Há doze ciclos lunares e doze povos - identificados por nomes de animais - relacionados a esses ciclos.

Clique na indiazinha abaixo, para conhecer melhor o seu ciclo.

  Falcão Vermelho:- 21 de março a 19 de abril
  Castor:- 20 de abril a 20 de maio
  Cervo:- 21 de maio a 20 de junho
  Pica-pau:- 21 de junho a 22 de julho
  Esturjão:- 23 de julho a 22 de agosto
  Urso marrom:- 23 de agosto a 22 de setembro
  Corvo:- 23 de setembro a 23 de outubro
  Serpente:- 24 de outubro a 21 de novembro
  Alce:- 22 de novembro a 21 de dezembro
  Ganso da neve:- 22 de dezembro a 19 de janeiro
  Lontra:- 20 de janeiro a 18 de fevereiro
   Puma:- 19 de fevereiro a 20 de março

 

 

 

 

 

Sabedoria indígena:

 

 Dos Cherokees

 

 Do chefe indígena Seatle

   Do xamã do índios Sioux
   Dos índios Ojibwa
   Meditação Olmeca
   Dos Xamânicos

  ou