Rodas de Orações

 

A Roda de Oração, corresponde a um cilindro que contém mantras (palavras sagradas), escritos em papel, enrolados ou mesmo esculpidos, que ao ser girados emite uma energia sutil, capaz de gerar saúde, paz, equilíbrio e vitalidade, para todos.

 

Nos monastérios tibetanos, bilhões de preces por minuto são elevadas aos céus, pelos monges que ao girar suas Rodas de Orações trazem principalmente equilíbrio ao planeta. Essas bênçãos podem ser para a cura, paz na Terra, eliminação da negatividade, longevidade e conhecimentos dos ensinamentos budistas.

 

O conhecido  Mantra da Compaixão: OM MANI PADME HUM é escrito diversas vezes e colocado no interior das Rodas de Oração.

 

Essas rodas podem ser encontradas em vários templos e espaços habitáveis. Incorporadas à cultura budista tibetana quem as encontra, giraessas Rodas de Oração, para que suas preces se multipliquem e se elevem.   

 


Nagarjuna, um dos principais mestres dos ensinamentos de Buda,  afirmava que os mantras impressos tinham tanto poder quanto os cantados. Segundo ele, o fato de rodarem aos quatro ventos permitia que os benefícios se espalhassem para além do tempo e do espaço. Atualmente usam-se também filmes fotográficos de mantras,  colocados no interior.